Um exemplo de vida e eficiência nos negócios

seg, 19 dezembro , 2011

Vida e eficiência nos negócios

DIVULGAÇÃO

Proprietária de um supermercado em Santa Catarina ao lado do marido, Dona Neide, como é conhecida na região, mostra como simpatia e solidariedade são fundamentais

  são fundamentais para o negócio. Aprenda com essa empreendedora.Difícil não ser cativado pela alegria, doçura e proatividade da empresária Anedina Amaro Guarezi, 55 anos, conhecida na região de Navegantes (SC) como Dona Neide. Hoje, ela é sócia-proprietária, junto com o seu marido, Celso Rechia Guarezi, 55 anos, do Supermercado Guarimar, que completa, em 2011, 24 anos de vida na cidade.

A história do supermercado começou em 1987, quando Celso, que já era sócio de um varejo familiar, resolveu sair daquela sociedade para desenvolver um negócio próprio, junto com sua esposa, no bairro Gravatá, em Navegantes. A paixão pelo varejo e o desejo de crescimento de ambos fez com que o negócio desse muito certo.

“Após cinco anos de atividades, o supermercado começou a crescer e se destacar na cidade. Esse fator gerou a necessidade de contratar novos funcionários e aumentar a área de vendas”, conta a empresária. Então, em 1992, o supermercado ganhou nova sede, no mesmo bairro. A loja passou a ter quatro checkouts, num espaço de, aproximadamente, 900 m2. Também ganhou um depósito e mais funcionários (no início eram quatro – junto com os sócios). Hoje, o Guarimar já conta com 14 colaboradores, entre fixos e temporários.

Boa parte desse sucesso também é fruto da escolha de um bom local para o negócio. Navegantes é uma cidade litorânea, com 65 mil habitantes, que ostenta um dos mais belos balneários de Santa Catarina, com diversos pontos turísticos. Ganham destaque o Farol da Barra, com a entrada e saída de navios diariamente, o aeroporto, e suas praias, que durante a temporada, recebem veranistas e turistas
do Brasil e do exterior. Isso faz com que o comércio do bairro seja bem diversificado, oferecendo inúmeras alternativas de compras
aos consumidores. “Durante a temporada de verão, o movimento cresce cerca de 200%. Nesse período, temos de aumentar o estoque e contratar funcionários temporários”, conta a Dona Neide. Mas, apesar das boas vendas, a concorrência local entre varejistas é grande. Só nas proximidades, há cinco grandes redes de supermercado e outras três lojas varejistas de pequeno porte.“Nesta região existem
cooperativas de mercados, o que prejudica o preço dos produtos, porque quem compra mais paga menos, prejudicando as negociações de pequenos varejistas”, explica a gerente e responsável pelo trade marketing do DEC Virtual, Denise Ruaro.

Daí a importância de contar com a parceria sólida de fornecedores comprometidos para conquistar boas negociações, e essa é uma meta contínua no Guarimar. A empreendedora exemplifica com o trabalho desenvolvido há muitos anos pelo DEC Virtual. “Eles nos ajudam com a
layoutização das gôndolas e oferecem produtos de qualidade”, explica a empreendedora, reforçando que as novidades sempre presentes nas gôndolas também são marcantes nessa parceria. “O mercado de higiene pessoal e cosméticos é muito dinâmico e a cada dia surgem novos produtos. Por isso é fundamental estar com as prateleiras em dia”, avalia.

Hoje, os produtos mais vendidos em sua loja são os xampus, sabonetes, cremes dentais e desodorantes, que vão desde marcas líderes até as mais populares e de menor com preço. E, para este ano, a aposta deve ficar nas categorias de tinturas de cabelo, esmaltes e cremes hidratantes, que têm crescido bastante na demanda dos consumidores.

Dona Neide confidencia que as gôndolas de cosméticos são sua grande paixão. “Mesmo quando o negócio era menor, não abria mão de ter esses produtos. Depois que o supermercado cresceu, eles ganharam mais espaço e hoje representam 20% do nosso faturamento. Nessas gôndolas, tenho a oportunidade de ficar mais próxima das minhas consumidoras, dando dicas e explicando melhor sobre a ação de cada um dos produtos”, afirma.

É dessa forma, conhecendo seus consumidores pelo nome, sabendo dos seus gostos e atendendo bem, que Dona Neide cativa a clientela. “Quanto melhor atendermos os nossos clientes, mais eles estarão em nosso estabelecimento, comprando cada vez mais. Muitas vezes o preço é maior, mas, se o atendimento é impecável, ganha-se o consumidor. Chamar pelo nome, como Dona Neide faz, é um diferencial ainda maior, pois o cliente se sente ainda mais importante e a fidelização do consumidor é certa”, avalia a gerente de trade marketing do DEC Virtual.

Muita proatividade

A empresária Anedina Amaro Guarezi não é do tipo de empreendedora que espera que as conveniências venham até o negócio. Ela mesma vai atrás das oportunidades, conversando com entidades e fornecedores que possam trazer benefícios ao estabelecimento. Aliás, buscar inovação é fundamental, especialmente em municípios à beira-mar, como é Navegantes. “Há picos de vendas no verão, pois a cidade lota, e a venda diminui bastante no inverno”, descreve a especialista do DEC Virtual. Portanto, é importante inovar sempre para manter boas vendas durante todo o ano.

Uma das estratégias do Guarimar para alcançar esses resultados está na capacitação tanto dos sócios quanto dos colaboradores.“Quanto mais qualificado for o funcionário, melhor o cliente será atendido e com isso a venda fica facilitada e potencializada. Oferecemos treinamentos constantes para toda a equipe”, conta. Dentre os temas desenvolvidos nas capacitações estão cursos de atendimento, excelência em vendas e treinamentos de SPC, para os caixas. Também são realizados treinamentos específicos que mostram utilização de
produtos. A gerente de trade marketing do DEC Virtual, Denise Ruaro, confirma o interesse da empresária em participar de todos os cursos oferecidos pelo DEC. “Hoje, um dos nossos maiores desafios é mostrar aos nossos clientes a importância dos cursos para o dia a dia deles. Já com Dona Neide não precisamos explicar muito. Ela diz: ‘se o curso é importante para minha loja crescer, eu vou!’. Esse empenho é fundamental, pois o cliente dá prioridade para quem o ajuda”, enfatiza.

Para divulgar mais os produtos do setor de higiene e beleza, o Guarimar também realiza, em parceria com o DEC, ações do tipo ‘compre e aplique’, onde promotores da indústria fazem demonstração sobre como usar seus lançamentos. “Toda e qualquer ação realizada dentro da loja é importante para desenvolver uma linha de produtos e chamar a atenção do consumidor para a loja. O cliente passa a entender
que aquele estabelecimento não apenas vende produtos e, sim, oferece serviços a ele”, argumenta Denise.

Além dos treinamentos já oferecidos pelo DEC, a sócia-proprietária do Guarimar procura o Virtual sempre que tem novas ideias. “Agora mesmo vamos anunciar nosso mercado num carro de som pela cidade e vou procurar o Virtual, para que eles indiquem uma demonstração interessante, em parceria com a indústria, para divulgarmos e aumentarmos a clientela”, exemplifica.

De acordo com a empreendedora, essas ações podem ser muito positivas para as vendas, mas não se pode ficar acomodado. “Os produtos de demonstração vendem muito bem, mas no dia do evento. Então, para vender sempre, não se pode parar”, conta.

Prova do bom desempenho do Guarimar está nos resultados crescentes do negócio. De 2009 para 2010, o faturamento cresceu cerca de 12%. Para esse ano, as expectativas são alta de 8% nos resultados.

 

Tags: