Questão de transparência

seg, 27 março , 2017

A construção de uma relação de trabalho positiva depende de como a empresa se comunica com sua equipeA palavra transparência nunca esteve tão em voga no Brasil como nos últimos tempos. Os escândalos de corrupção no meio político levaram muitos a cobrar e buscar mais transparência em todo tipo de relação, seja pessoal, comercial ou profissional.

A palavra também está relacionada ao sentimento de confiança e, no ambiente de trabalho, isto é muito importante. Afinal, trata-se de uma relação de troca, onde o empregador tem metas, objetivos e expectativas em relação à sua equipe e ao próprio desenvolvimento da empresa; e o funcionário, por sua vez, também tem metas, objetivos e busca seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Mas o que é ser transparente no ambiente de trabalho? O que pode e o que não pode ser dito, principalmente em um momento de incertezas e crise econômica?

Para o palestrante motivacional e treinador empresarial, Cersi Machado, em primeiro lugar, os líderes precisam conhecer a maturidade de seus liderados para identificar o limite da transparência.

“Quando uma equipe é formada por profissionais maduros, é possível revelar informações importantes. Porém, quando percebe-se que as pessoas não desenvolveram sua maturidade profissional, pode gerar interpretações diversas. Algumas pessoas podem pensar, por exemplo, que a empresa está ‘quebrando’, ou ‘vão acontecer demissões’”, diz.

Ainda segundo Machado, cabe a cada gestor conhecer o seu time. “O que sugiro é que seja utilizada a transparência com informações que apontem para a importância de todos se dedicarem, mostrando a necessidade de praticarem suas atividades com o máximo de qualidade e comprometimento”, orienta.

Autor: Adriana Bruno